Fortaleça a tireoide

Maximiza o principal hormônio do metabolismo

Um médico holístico a ligação entre as queixas do paciente

Como os médicos são treinados para procurar doenças reais com os sintomas descritos nos artigos didáticos que possam ser diagnosticados e associados ao medicamento, os sintomas crônicos mais sutis costumam ser ignoradas. Mas esses sinais são as pistas para desvendar o mistério mais profundo do que está errado com a saúde. Muitas pessoas costumam consultar um especialista queixando-se de coisas, como cansaço, depressão, cãibras, anormalidades menstruais, dificuldade para emagrecer, constipação, problemas de memória e dores nas articulações.

É comum receber em uma receita para um antidepressivo, ouvir em que o distúrbio que apresentam é uma consequência do envelhecimento ou, pior, que devem comer menos e se exercitar mais. A um tempo atrás eu esta vá lucrando com salgados, mais conseguia não consumi-los e me mantinha firme no propósito de não comer o que poderia prejudicar a minha situação. Eu me considero um médico holístico porque cuido das pessoas como um todo. analisando o conjunto dos seus problemas. E as maiores listas de sintomas pertencem aos portadores de distúrbios da tireoide. Muitos deles talvez apresente alguns ou todos os distúrbios que eles têm no parágrafo anterior e que são na verdade, pistas do mau funcionamento dessa glândula.

tireodi saudavel

O sistema da tireóide desempenha um papel essencial no metabolismo. Juntamente com a insulina e o cortisol, o hormônio da tireoide é um dos três principais hormônios que controlam o metabolismo e o peso. Vinte por cento de todas as mulheres e cerca de 10% dos homens sofrem de Hipotireoidismo. Essa doença torna o ritmo metabólico mais lento e, em metade dos seus portadores, não é diagnosticada. Para piorar a situação, muitas pessoas que recebem esse diagnóstico não se tratam de maneira adequada. Além de descobrir se você está sendo afetado pelos sintomas mencionados.

A disfunção da tireoide costuma ser um problema que requer exames complementares e assistência médica. O ideal é informar se com seu médico sobre os exames necessários. Além disso, há medidas que você pode adotar para ajudar a resolver essa situação. Eu comia muitos salgados e descobris como ganhar dinheiro vendendo salgado, mas depois que descobri que esta vá com os sintomas da doença evitei permanentemente o contato com esse alimento.

Diagnosticando os distúrbios da tireoide como os médicos deixam passar pistas antes

Quando eu estudava medicina, pensava que o diagnóstico e o tratamento do Hipotireoidismo eram simples e fáceis. Surge um paciente queixando-se dos sintomas clássicos cansaço, frio, edema, excesso de peso, pele seca, unhas quebradiças, queda de cabelo, constipação, cãibras, problemas de memória e depressão. Os resultados dos seus exames de sangue para tireoide não estão normais.

O tratamento padrão para esta doença que é simplesmente o hormônio inativo da tireoide, denominado T4. Resolvemos o problema que todos vão embora felizes.

Depois de mais de 20 anos de prática médica minha opinião é que diagnostica e trata os distúrbios da tireoide é uma das coisas mais complicadas que faço e, quando acerto, tem o efeito mais profundo para saúde, o peso e o metabolismo de uma pessoa do que qualquer outro tratamento que transcrevo. Além disso, os tratamentos indicados para tireóide são uma das áreas mais controversas da medicina hoje em dia. Embora o quadro de uma disfunção evidente dessa glândula esteja bastante definido, os médicos não concordam sobre a melhor maneira de obter e o diagnosticar e tratar as pessoas que apresentam esses distúrbios sutis. As diretrizes mudam com a frequência e a um intervalo entre a obtenção das novas informações e sua aplicação.

Em parte isso acontece porque as pesquisas nesse campo são polêmicas mal compreendidas. Alguns tratamentos, que podem ser os mais eficazes, ainda não se tornaram parte da prática médica tradicional. O que aprendi é o resultado de centenas de horas de estudo, da realização de milhares de exames para detecção de dessas disfunções e do tratamento de milhares de paciente com esses problemas.

 

Músculos para emagrecer

Ativam o metabolismo

Todas as orientações contidas nesse artigo se completam e funcionam juntas. Muito dos meus pacientes emagrecem bastante sem exercitar. Mas, em determinado ponto, eles empacam, não conseguem perder peso os últimos 5 a 7 kg e precisão de um empurrão o exercício aeróbico, incluído o treinamento intervalado, e a musculação os ajudam a atingir seu objetivo.

Além disso, os exercícios reduzem o apetite e ativam todos os hormônios cerebrais e todas as substâncias químicas que equilibram o sistema imunológico e que nos auxiliam a alcançar o peso ideal e o metabolismo saudável. Atividade física é um dos mais potentes anti-inflamatórios e antioxidantes desconhecidos. Sem falar que contribui para controlar os sinais da fome, melhora sensibilidade à insulina, queima as substâncias químicas que provocam estresse, estimula o funcionamento da tireoide e facilita a desintoxicação do fígado.

Coma alimentos que ativam o metabolismo e evite aqueles que o desaceleram

Trangenicos

Alguns alimentos ajudam a ativar o metabolismo, enquanto outros danificam as mitocôndrias ele o tornam mais lento. Seguindo as diretrizes alimentares da prescrição do metabolismo, você saberá o que incluir e o que evitar em sua lista de dieta para queimar a gordura e se manter saudável.

Utilize suplementos que ajudam a regular o metabolismo

O uso dos Suplementos certos pode auxiliar no ajuste do metabolismo experimente estes suplementos para estimular a função do mitocôndrias:

Examine sua mitocôndrias

Os exames das mitocôndrias são muito especializados. No meu consultório, emprego dois métodos que não são de uso comum, mas que estão sendo aplicados como a frequência cada vez maior. um deles é o teste de esforço. O outro é o perfil da acidez orgânica na urina. Existem também teste de mais sofisticados que podem ser realizados por especialistas em músculos. Essa avaliação não são essenciais para reparar problemas nas mitocôndrias, porém eu utilizo porque elas me ajudam a fornecer orientações melhores aos pacientes.

Teste de esforço cardiometabólico

Esse exame mede a taxa mínima em que consumimos e queimamos oxigênio, isto é, nosso vo2 Max. É muito simples: quanto mais oxigênio usamos, mais calorias queimamos. O vo2 Max é a medida de oxigênio que utilizamos durante o exercício e ele está diretamente relacionado ao nosso nível de condicionamento físico e a capacidade de queima calórica que apresentamos. Esse teste deve ser realizado por um médico especialista em fisiologia do exercício ou por um profissional em medicina esportiva.

Exames dos ácidos orgânicos

É um exame de urina que mede os subprodutos do metabolismo, deficiências nutricionais e outros elementos. Enquanto teste de esforço cardiometabólico verifica indiretamente o número e a força das mitocôndrias, esse exame analisa sua eficiência bioquímica. Poucos laboratórios especializados o realizam, e ele é difícil de interpretar, mas costuma oferecer excelentes indicações sobre problemas metabólicos e nutricionais.

A prescrição do metabolismo e o motor metabólico

Otimizar o metabolismo é uma maneira importante já aumentar a capacidade de emagrecer e, normalmente, a solução para perder aqueles últimos quilos. Para isso, é necessário praticar exercícios físicos, seguir a dieta da prescrição do metabolismo, eliminar fatores que prejudicam as mitocôndrias e consumir suplementos. Esses produtos que ajudam a proteger as mitocôndrias e a equilibrar os hormônios e o açúcar no sangue. Entender o papel das mitocôndrias no emagrecimento e no envelhecimento e aprender a corrigir os problemas que eles apresentam é uma das mais novas e interessantes áreas de pesquisa da medicina.

Como alimentos que reduzem a inflamação e evite aqueles que a causam

 

Alimentação é o fator mais importante para ajudar a diminuir a inflamação.

alimentos-saudaveis

As diretrizes do metabolismo para uma dieta ideal constituem, em essência, uma nutrição anti-inflamatória. Além dos alimentos típicos que intensificam esse problema, como açúcar, produtos processados e gorduras trans, podem ser a origem dos distúrbios relativos ao peso e ao metabolismo.

Alimentos que causam inflamação – evite

Além de seguir as diretrizes básicas descritas Fique atento porque a determinados alimentos que causam problemas algumas pessoas.

  • Alérgenos alimentares: ( os mais comuns são trigo, Laticínios, ovos, milho, soja e amendoim). A eliminação e reintrodução desses itens, como descrito é a melhor maneira de saber se você reagir a esses alimentos, embora os exames também permitam descobrir isso.
  • Glúten: destaquei esse item porque afeta 1% ou mais da população (milhões de pessoas) e normalmente é uma causa não diagnosticada de inflamação. Alguns exames revelam se o glúten é um problema. Grãos que contém essa proteína: trigo, centeio, cevada, kamut e espelta (duas variedades de trigo) e aveia.

Use ervas e outros elementos vegetais para diminuir a inflamação

Ervas

Ervas e outros elementos vegetais anti-inflamatórios podem ter resultados impressionantes na redução da inflamação. Experimente acrescentar dieta os itens que relaciono a seguir. Você pode consumi-los na alimentação ou na forma de suplementos

  • Cacau
  • Capsaicina ( da pimenta-de-caiena)
  • Chá verde
  • Cúrcuma ( o condimento amarelo encontrado no curry)
  • Gengibre
  • Quercitina ( presente nas cascas de frutas e hortaliças)

 

Utilize suplementos para atenuar a inflamação

Os suplementos listados a seguir são recurso adicional para diminuir a inflamação. Procure incluí-los em seu regime suplementar padrão, composto por multivitaminas, minerais e óleo de peixe, que já são poderosos anti-inflamatórios.

 

  • Enzimas (bromelina e outras substâncias desse tipo que processos são proteínas)

 

  • Probióticos (substâncias que constituem para o desenvolvimento da flora intestinal saudável)

 

Faça exames para verificar os níveis de inflamação e suas causas

Caso tenha obtido uma pontuação de moderada à alta no questionário no início desse artigo, faça os exames indicados a seguir para identificar as causas da inflamação e confirmar se ela já é de fato um problema para você. Existe em outros testes mais avançados que também podem ser realizados. Além disso, recomendo que procure ajuda médica.

Exame de proteína

Esse é o melhor exame para diagnosticar inflamação. ele mede seu nível geral, embora não aponte sua origem. O motivo mais comum para um índice elevado da proteína C reativa é a síndrome metabólica, ou a resistência à insulina. A segunda razão mais frequente é um tipo qualquer de reação alimentos – sensibilidade, alergia ou reação auto-imune, como acontece com o glúten. Os exames especiais mencionados a seguir podem ajudar a identificar os problemas alimentares e as reações a essa proteína.

Exames de sensibilidade alimentar

Sesibilidade alimentar

Embora ainda existam controvérsias a respeito desses exames estudos controlados mostram que eles são úteis na identificação de alimentos que podem causar problemas e cuja a eliminação da dieta contribui para reduzir a inflamação. Embora sejam limitados, ajudam a indicar os alimentos que devem ser evitados.